Conhecendo o Visual Studio 2010 – Visão Geral

24 de novembro de 2011 Deixe um comentário

 

VS2010

 

Hoje vamos ter uma visão geral da ferramenta que vai nos ajudar a desenvolver aplicativos para Windows Phone 7 (WP7).

Partiremos da premissa que você já tenha instalado o Visual Studio 2010, caso não tenha, leia o Post Desenvolvendo para Windows Phone 7 (WP7) – Ambiente.

Abrindo o Visual Studio 2010 teremos a seguinte tela:

Na parte esquerda temos as seguintes opções:
* Conectar a um projeto em grupo (Connect to Team Foundation Server);
* Criar um novo projeto (New Project);
* Abrir um projeto existente (Open Project);
* E uma lista de projetos recentes, ou seja, os últimos projetos em que trabalhou no Visual Studio 2010.

Não falaremos sobre as abas da direita por enquanto, mas basicamente, são guias para ajudar na utilização do VS2010, novidades e guias de referencias.

Vamos então criar um novo projeto clicando em New Project (ou em File->New->Project).

Na tela que abrir, escolha a sua linguagem de preferência (aqui vou trabalhar com Visual Basic, pois acho que é uma linguagem mais didática e fácil de entender). Visual Basic -> SilverLight for Windows Phone-> Windows Phone Application, ou Visual C# -> SilverLight for Windows Phone-> Windows Phone Application. A diferença entre um e outro é apenas a linguagem de programação que será usada para as funcionalidades dos comandos, mas o resultado final será o mesmo.

Após essa seleção, observe que temos 3 parâmetros para preencher:
* Nome (Name):  Aqui você pode colocar o nome que quiser no seu projeto, o nome que vou usar é “MeuPrimeiroProjetoWP7”;
* Localização (Location): Aqui você escolhe onde o seu projeto será salvo, sugiro que crie uma pasta exclusiva para seus projetos WP7;
* Solution name (Nome da solução): Este é o nome do arquivo “.sln”, ou seja, o arquivo que você usará pra abrir o projeto (solução), normalmente é o mesmo nome do projeto.
Ao deixar marcada a opção Create directory for solution, o próprio VS2010 cria uma pasta com o nome da solução para guardar os arquivos referentes a ela, recomendo deixar marcada e depois clique em “OK”. Pronto sua primeira aplicação Windows Phone já está criada.

Observe que ao criar a aplicação o VS2010 abre uma tela divida onde do lado esquerdo tem layout de um celular e a área que pode ser usada já marcada (lembrando um Windows form) e ao lado direito o código XAML que monta essa tela. Antes de começar a olhar melhor esse código vamos ver alguns itens que considero primordial na criação de sua aplicação.

 

Primeiro: Solution Explorer É onde estão os “arquivos” gerados por sua apli

cação, é aqui que vamos incluir imagens, novas telas, classes, pastas,

referências etc. que serão utilizadas na sua aplicação.
Esta “tab” fica normalmente do lado direto de sua tela no VS2010, caso não esteja aparecendo, vá no menu “View->Solution Explorer” ou pressione CTRL+Alt+L.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Segundo: Toolbox
É onde ficam os componentes que serão utilizados em sua aplicação, é aqui que encontramos caixas de texto, botões, checkbox, imagens, grids e vários outros componentes que serão utilizados.

Esses componentes podem ser também escritos diretamente no código, mas aqui temos a facilidade de clicar e arrastar para posição da tela que queremos que fique o objeto.
Esta “tab” fica normalmente do lado esquerdo da sua tela no VS2010, caso não esteja aparecendo, vá no menu “View->Toolbox” ou pressione CTRL+Alt+X

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Terceira: Propriedades
É onde você pode mudar várias das propriedades do objeto que estiver selecionado no design da sua aplicação. Aqui você tem a possibilidade de mudar tamanhos, cores, nomes, textos de objetos, posição em que melhor fica o objeto em sua tela, se esse objeto será visível ou não para o usuário. Todas as informações mais importantes do seu objeto estão relacionadas nesta “tab” propriedades.
Esta fica normalmente do lado direito da sua tela no VS2010, caso não esteja aparecendo, vá no menu “View->Properts” ou pressione a tecla F4 do teclado. Observe que clicando em cada objeto diferente no design (form) de sua aplicação, as propriedades mudam.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Bem, esta foi nossa visão geral do Visual Studio 2010. É com ele que iremos fazer nossa primeira aplicação para Windows Phone 7. Espero que tenham gostado e no próximo Post vamos finalmente criar o primeiro projeto.

Até lá.

Desenvolvendo para Windows Phone 7 (WP7) – Ambiente

7 de novembro de 2011 1 comentário

WP7

Neste post, vamos começar buscando as ferramentas que precisamos para o desenvolvimento de aplicações para a plataforma Windows Phone 7 ou WP7 como está sendo chamada.

Introdução

Com a nova interface (metro) do WP7 ele consegue ,finalmente, se desvencilhar totalmente do windows mobile, que tentava se parecer ao máximo com o windows na versão desktop, e com isso acabava gerando mais problemas do que facilidades para o usuário. Essa nova versão veio para bater de frente com o IOS5 e o Android (que hoje tem uma fatia razoável do mercado).
A interface está mais limpa, muito mais fácil, com acesso rápido a tudo que precisa. Informações úteis no próprio icone do aplicativo (que agora é chamado de hub), como por exemplo, o email, que no hub já mostra quantos emails não lidos você tem e muitas facilidades mais que serão mostradas em outros post.

A idéia de integração do Android está sendo muito utilizada no WP7 que terá integração total com sistemas microsoft, incluindo a XBOX Live. Mas vamos ao tema central do post porque senão vou acabar esse post e não vamos ao nosso objetivo prinicpal.

Seja muito bem vindo ao mundo Windows Phone 7.

O que você precisa pra começar?

A ideia da Microsoft é alcançar o mais rápido possível o número de aplicativos feitos para o WP7 no Market Place (é um mercado onde podemos baixar aplicativos tanto gratuitos como pagos) e para isso ela disponibiliza tudo o que o desenvolvedor precisa para começar a trabalhar com esses aplicativos totalmente “de grátis”.

Neste link: Windows Phone Developer Tools você vai baixar um setup que fará a instalação de tudo o que precisa para o desenvolvimento para WP7, as ferramentas são:

  • Visual Studio 2010 express para Windows Phone;
  •  Silverlight para Windows Phone;
  • XNA Game Studio 4.0;
  • Expression Blend 4 para Windows Phone;
  • Emulador do Windows Phone.
Com essas ferramentas listadas acima você já estará pronto para começar o desenvolvimento de suas aplicações para WP7.
Observação: Logo que foi lançado, só era possível o desenvolvimento utilizando C#, mas agora tem a possibilidade de utilizar também o VB. Para isso baixa o setup neste link: Visual Basic para Windows Phone Developer.

Documentação

A Microsoft está se saindo muito bem com a documentação para os desenvolvedores de Windows Phone 7. No site do MSDN você encontra uma documentação vasta e com exemplos para facilitar sua vida, veja nesse link e confira.
Foi disponibilizado também um livro com mais de 1000 páginas para você estudar: Programming Windows Phone 7, por Charles Petzold.

Conclusão

O Windows Phone 7 veio para morder uma boa fatia do mercado e acredito que vai conseguir. O incentivo ao desenvolvimento de novas ferramentas para o sistema operacional é muito grande e a facilidade com as mesmas ajudam bastante para quem quer começar. Acredito que em pouco tempo o MarketPlace estará lotado de aplicações boas, ruins, pagas e grátis e com isso conseguirá muitos adeptos.
Deixo aqui um vídeo com um pequena análise do Windows Phone 7.5 (Mango) para terem uma visão do que o WP é capaz.

No próximo post vamos conhecer um pouquinho do Visual Studio 2010. Até lá.